Cobranças pela vacina pentavalente e pelos consumidores prejudicados pela falta de energia

Doses da vacina pentavalente ainda não chegaram ao município.

Dois pedidos ganharam destaque na última sessão da Câmara de Vereadores de Seara. O vereador Beto Gonçalves, através de uma moção, pede ao presidente da república, Jair Bolsonaro e ao ministro Interino da Saúde, Eduardo Pazuello, para que envidem esforços a fim de que a distribuição de doses da vacina pentavalente seja regularizada e as crianças tenham a imunização garantida. “Essa vacina é muito importante, especialmente para as crianças, porque é aplicada em três doses, aos dois, quatro e seis meses de vida e previne para várias doenças”.

Ciclone bomba causou muitos danos na rede de energia elétrica.

O outro pedido é do vereador Irio Casarotto. Também através de moção, Irio solicita ao Governador do Estado, Carlos Moisés da Silva e ao diretor presidente da CELESC, Cleicio Poleto Martins, para que seja analisada a possibilidade da criação de um programa para ressarcir, nas próximas faturas, os consumidores que foram prejudicados pela falta de energia em razão do Ciclone Bomba que atingiu o Estado no final do mês de junho. “Que o presidente da Celesc veja essa questão junto com o governador do Estado e faça um desconto nas próximas faturas de energia elétrica a esses proprietários, residências e agricultores e que eles sejam ressarcidos pelo prejuízo”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui