Ex-prefeito e ex-secretário são condenados por improbidade

O ex-prefeito e o ex-secretário de Agricultura do município de Saltinho (SC), foram condenados por improbidade administrativa. Eles foram acusados por compras sem licitação na empresa da filha do ex-secretário. Ela também foi condenada, assim como a empresa.

Na denúncia apresentada, estão 69 notas fiscais emitidas entre 2013 e 2014, durante o mandato dos acusados. Os valores somam R$ 43.457,40 em tinta, pincel, rolo de espuma, solvente, broxa para pintura, tijolos, alvenarite, mangueira, cimento, areia, fita isolante, piso cerâmico esmaltado, argamassa, dentre outros itens para construção. De acordo com a lei, compras acima de R$ 8.000,00 feitas pelo poder público necessitam de licitação.

O ex-secretário, a filha dele e a empresa da família foram condenados, individualmente, ao pagamento de multa civil no valor de cinco vezes o último salário recebido pelo parlamentar, em 2014, corrigido até a data da publicação da sentença. Eles também estão proibidos de contratar com o poder público por três anos.

Ao ex-prefeito também foi imputada multa civil no valor de cinco vezes o último salário recebido em 2014, corrigido até a data de publicação da sentença. Ele e o ex-secretário tiveram suspensos os direitos políticos por quatro anos. Os recursos vindo das multas civis serão destinados ao município de Saltinho.

Com informações Clic RDC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui