Inter perde para o Guarany de Bagé pelo Gauchão

Fazia mais de meio século que o Inter não perdia para o Guarany de Bagé. Pois nesta quarta-feira (31), na partida válida pela quarta rodada do Gauchão, a marca foi quebrada. Com um time reserva no primeiro tempo e com cinco titulares no segundo, os colorados levaram 2 a 1 do time de Bagé, para a festa da torcida local no Estrela D’Alva lotado. 

Foto: Sérgio Galvani / Guarany F.C/Divulgação

Pedro Henrique, de pênalti, marcou o gol da equipe de Eduardo Coudet. Michel e Tony Júnior foram os goleadores dos comandados de William Campos. Com o resultado, o Inter permanece com sete pontos, mas perderá a liderança para Grêmio ou Juventude até o final da rodada. O Guarany alcançou quatro na tabela.

A escalação de Coudet teve muitos dos reservas usados na segunda rodada. Mallo e De Pena foram os laterais, o meio-campo teve Rômulo, Campanharo, Hyoran e Gabriel Barros, e o ataque teve Pedro Henrique e Alario. No Guarany, William Campos escalou o time esperado.

No primeiro toque na bola, a constatação: estava murcha. O lance gerou risadas no estádio. Mas isso não impediu um começo avassalador do Guarany. Aos 11 minutos, após cobrança de escanteio, a defesa cortou para frente. No rebote, de cabeça, Gustavo jogou a bola para a área de novo, com os defensores colorados saindo da área. Mallo errou a linha e Tony Júnior ficou sozinho, cara a cara com Anthoni, e apenas tirou do goleiro colorado: 1 a 0.

Mesmo com vantagem, o Guarany seguiu no ataque. Aos 19, um lance confuso. Allan recebeu na ponta direita e tentou cruzar para Michel. A bola, porém, pegou um efeito e bateu na trave. O bandeirinha assinalou tiro de meta, mas pelas imagens a bola não pareceu ter saído.

Aos 25, o Guarany ampliou. Um balão para o alto caiu em Mercado, que perdeu a bola sozinho para Tony Júnior. O atacante serviu Michel, que entrou na área pela esquerda e bateu forte, superando Anthoni: 2 a 0.

Só aos 29 o Inter levou perigo ao Guarany. Hugo Mallo cruzou, Alario se impôs sobre a defesa e Rodrigo Mamá fez grande defesa. No minuto seguinte, cruzamento da esquerda, Pedro Henrique chegou antes e Micael deu-lhe um chute na cintura: pênalti. A cobrança foi efetuada aos 32, pelo mesmo Pedro Henrique, com categoria, diminuindo o placar.

O Guarany não se acanhava. Aos 41, Michel deu um passe de calcanhar na esquerda para João Gabriel. Ele entrou na área e bateu, Anthoni defendeu com o pé.

Inter coloca titulares, mas não balança a rede

No intervalo, Coudet chamou os titulares. Voltou do vestiário com quatro substituições: entraram Renê, Aránguiz, Wanderson e Alan Patrick, saíram Mallo, De Pena, Campanharo e Gabriel Barros. Com isso, Rômulo foi para a lateral direita, e o meio ficou montado com Aránguiz, Alan Patrick, Hyoran e Wanderson.

O cenário da partida, com esses jogadores e com o placar, mudou. O Inter tomou conta e o jogo passou a se desenvolver no campo de ataque colorado. Mas conclusão, mesmo, só aos 10, com Alan Patrick cobrando falta e Rodrigo espalmando para fora.

O empate esteve perto aos 15. Alario escorou a bola para trás, após ser lançado na área, Alan Patrick apanhou a bola, entregou para Hyoran, que deu para Pedro Henrique. O atacante girou o corpo e bateu, mas por cima do travessão. Aos 19, Aránguiz foi à linha de fundo e cruzou, Wanderson cabeceou e Rodrigo defendeu.

Aos 28, Alan Patrick fez tudo sozinho, entrou na área a dribles e chutou cruzado. Mais uma defesa importante de Rodrigo. Dois minutos depois, Coudet fez a última troca: saiu Rômulo, entrou Valencia. 

Hyoran, aos 37, jogou na arquibancada sua chance. Alan Patrick lhe abasteceu entrando na área, pela direita. Sozinho, ele dominou mal, perdeu tempo e chutou por cima. Aos 48, Alario acertou a trave. No apito final, festa da torcida do Guarany, comemorando uma vitória histórica.

GAUCHÃO — 4ª RODADA — 31/01/2024

GUARANY DE BAGÉ (2)
Rodrigo Mamá; Lessa (Igor Bosel, 41’/2ºT), Micael, Saulo e David; Gustavo Nogy (Hugo, 13’/2ºT), João Gabriel, Arêz e Allan (Vini Locatelli, 21’/2ºT); Tony Júnior (Wilson Júnior, int.) e Michel (João Pedro, 13’/2ºT). Técnico: William Campos

INTER (1)
Anthoni; Mallo (Renê, int.), Mercado, Robert Renan, De Pena (Wanderson, int.); Rômulo (Valencia, 30’/2ºT); Hyoran, Campanharo (Aránguiz, int.), Gabriel Barros (Alan Patrick, int.); Pedro Henrique, Alario. Técnico: Eduardo Coudet

GOLS: Tony Júnior, aos 11, Michel, aos 25, Pedro Henrique, aos 32 minutos do 1º tempo;
CARTÕES AMARELOS: Tony Júnior, Allan, Lessa; Rômulo, Wanderson;
LOCAL: Estrela D’Alva, Bagé;
PÚBLICO E RENDA: não divulgados;
ARBITRAGEM: Rafael Klein, auxiliado por André da Silva Bitencourt e Fagner Bueno Cortes.

PRÓXIMO JOGO
GAUCHÃO — 5ª RODADA
31/01/2024 — 16H30MIN
BEIRA-RIO
INTER X CAXIAS

Com informações, Gaúcha ZH

Leia também:

Novo decreto traz mudanças no Programa Universidade Gratuita

spot_img
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais lidas

Publicidade
×