Já rebaixada, Chapecoense goleia o CSA na Arena Condá

Chape venceu por 3×0 e confirmou o rebaixamento do CSA

No último jogo de Campeonato Brasileiro Série A na Arena Condá – pelo menos até 2021 – a Chapecoense venceu o CSA, em Chapecó (SC), na noite desta quarta-feira (4). A partida era válida pela 37ª rodada. Os gols do jogo foram marcados por Gustavo Campanharo, Arthur Gomes e Maurício Ramos.

A Chapecoense iniciou o jogo com tudo. Logo no primeiro minuto da partida, o Verdão abriu o placar. Campanharo recebeu um passe de Kayzar, no meio da defesa do CSA, o meio campo entrou na área e chutou com força no canto alto esquerdo do goleiro Jordi.

A partida na Arena Condá era dominada pelo Verdão. A equipe do CSA não conseguia armar boas chances e a Chape tinha as melhores oportunidades da partida. Aos 19’, Eduardo cobrou uma falta e Amaral cabeceou para o gol, mas o goleiro Jordi defendeu. Na sequência, aos 20’, Campanharo bateu rasteiro de fora da área e o goleiro do time alagoano se esticou todo para espalmar para escanteio. Aos 28’, o atacante Dalberto perdeu uma grande chance para a Chape. Eduardo cruzou da direita para o camisa 29’, que pegou muito mal na bola e mandou para fora.

A partir dos 30 minutos, o CSA tomou o jogo para si e começou a criar algumas chances perigosas. Aos 34’, Rafinha cobrou escanteio na primeira trave e Jean Kléber cabeceou, mas a bola foi por cima do gol de João Ricardo. Aos 41’, o Azulão quase marcou um gol épico na Arena Condá. Rafinha bateu o escanteio com curva, a bola surpreendeu o goleiro do Verdão, que tirou de soco. No final do primeiro tempo, o CSA chegou mais uma vez com perigo no ataque. Aos 46’’ Rafinha chutou forte e João Ricardo defendeu para a Chape.

Foi o último jogo da Chape em casa na série A de 2019

Com um gol no início da partida, a Chape segurou o ímpeto do CSA e terminou a primeira etapa com a vitória.

A primeira grande chance do primeiro tempo foi do CSA. Aos 5’, Ricardo Bueno cruzou na medida para Jean Kléber que cabeceou forte, mas a bola foi para fora. Aos 10’, João Vitor do CSA foi expulso e três minutos depois a Chapecoense ampliou o placar. Após boa troca de passes, Eduardo cruzou para Arthur Gomes, que dominou e bateu para o fundo das redes do goleiro Jordi.

Aos 21’, a Chape criou mais uma boa chance. O lateral Caique Sá bateu colocado de fora da área, mas a bola foi para fora, muito próximo a trave de Jordi. Em dois lances seguidos o CSA quase diminuiu a vantagem da Chape. Aos 27’, Jean Kléber cruzou na área e Ricardo Bueno bateu de primeira, para boa defesa de João Ricardo. Aos 28’, Rafinha cobrou o escanteio e Ricardo Bueno cabeceou no meio do gol, para a defesa do goleiro da Chape.

Aos 33’, o Verdão conseguia o terceiro gol e a goleada. Diego Torres cobrou o escanteio e Maurício Ramos cabeceou para marcar para a Chape. No último jogo da Arena Condá na Séria A, o Verdão goleou o CSA em Chapecó.

O Verdão encera a participação na Séria no Rio de Janeiro, contra o Vasco, no domingo (8).

Ficha Técnica

Chapecoense x CSA

Local: Arena Condá, Chapecó (SC)                                                                                         

Data: 04 de Dezembro de 2019, Quarta-feira       

Horário: 21h (Horário de Brasília)                       

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)

Assistente: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Michael Correia (RJ)

Chapecoense: João Ricardo 1; Eduardo 2, Mauricio Ramos 44, Amaral 55 e Caíque 22; Márcio Araújo 5, Gustavo Campanharo 10 (Diego Torres 12), Tharlis 85 e Vini Locatelli (Ronei 15) 63; Dalberto 25 (Arthur Gomes 27) e Kayzer 9. Técnico: Marquinhos Santos.

CSA: Jordi 12; Dawhan 8, Lucas Dias 14, Luciano Castán 4 e Rafinha 26; João Vitor 7, Nilton 10, Jean Kléber 15 e Jonatan Gómez 29 (Matheus Prado 27); Héctor Bustamante 18 (Bruno Alves 23) e Ricardo Bueno 9. Técnico: Jacozinho.

Cartão Amarelo: João Vitor (CSA), Gustavo Campanharo (CHA), Jean Kléber (CSA)

Cartão Vermelho: João Vitor (CSA)

Gols: Gustavo Campanharo (CHA), Arthur Gomes (CHA) e Maurício Ramos (CHA).

Clic/RDC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui