Novo projeto sobre subsídio no transporte pode ser encaminhado

O prefeito Rogério Luciano Pacheco, reuniu representantes das entidades, da Comissão de Tarifa da Prefeitura e Vereadores da Comissão de Transportes da Câmara, para debater e analisar as possibilidades de encaminhamentos diante da não aprovação do Projeto de Lei que criava a Tarifa Social e baixava a passagem do transporte coletivo em Concórdia para R$ 4,50.

O chefe do executivo ouviu das lideranças empresariais e dos vereadores que existe a necessidade de continuar trabalhando para que a tarifa baixe de R$ 8,00 para R$ 4,50. Várias proposições foram apresentadas e a solução mais viável continuou sendo o repasse do subsídio ao transporte coletivo.

Ao final do encontro, ficou ajustado que a prefeitura poderá encaminhar um novo Projeto de Lei ao Legislativo para apreciação da Tarifa Social, com a apresentação do cronograma de ações, contemplados pela comissão, para melhorias na infraestrutura e na logística dos serviços do transporte coletivo urbano de Concórdia.

spot_img
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais lidas

Publicidade
×