Prefeitos da AMAUC se reúnem e pedem ampliação dos leitos de UTI em Concórdia

Os prefeitos do Alto Uruguai Catarinense (AMAUC) estiveram reunidos nesta quinta-feira, dia 19, e encaminharam nota ao Governo do Estado pedindo que o Hospital São Francisco tenha mais leitos credenciados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Será levado ao conhecimento da Secretaria Estadual de Saúde, o descontentamento da região com relação a classificação de risco gravíssimo.

Os prefeitos destacaram o excelente trabalho realizado no Alto Uruguai Catarinense, incluindo testagem da população em massa, isolamento social, fiscalização e a qualidade do atendimento do Hospital São Francisco. A nota diz que ao invés da região ser reconhecida pelo Governo do Estado e o Governo Federal, ocorre o inverso.

Ou seja, com 70% dos leitos de UTI desativados pelo SUS da Covid-19 no Hospital São Francisco a sensação é de que a situação é “gravíssima” quando na verdade se trata de uma condição diferente na prática. Nas últimas semanas, dos 16 leitos disponíveis apenas cinco atualmente estão habilitados pelo SUS para atender pacientes da Covid-19.

As autoridades regionais querem um encaminhamento ágil por parte do Estado visando o credenciamento de novos leitos para que a região não fique na classificação gravíssima. A situação acaba prejudicando toda a economia regional, já que algumas restrições mais rígidas são impostas pelo Estado.

Com informações Atual

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui