Rio Grande do Sul já registra 126 mortes em função das fortes chuvas

A tragédia das chuvas no Rio Grande do Sul já chega a 126 mortes confirmadas em todo o estado até agora, de acordo com o último boletim publicado pela Defesa Civil estadual, no início da noite desta sexta-feira (10). Há ainda 141 pessoas desaparecidas e registro de 756 feridos por conta da catástrofe, considerada a maior da história gaúcha.

Ao todo, ainda segundo a Defesa Civil, há 339,9 mil pessoas desalojadas em 441 municípios do Rio Grande do Sul — e 71 mil em abrigos. O governo estima que, até esta sexta-feira, quase 2 milhões de pessoas tenham sido afetadas de alguma forma pelos efeitos do temporal.

Os bombeiros já fizeram o resgate de 70,8 mil pessoas e de cerca de 10 mil animais. O efetivo de 27 mil homens conta com o auxílio de 3,4 mil viaturas, 41 aeronaves e 340 embarcações.

Previsão de mais chuva forte

De acordo com o governo estadual do Rio Grande do Sul, nesta sexta-feira as chuvas se espalham por todo o território gaúcho, sendo mais intensas no Centro, Norte, Nordeste, Vales, Região Metropolitana de Porto Alegre e Litoral Norte, com volumes de até 120mm de chuva.

No sábado, inda segundo a previsão divulgada pelo governo, as chuvas seguem fortes e persistentes, com volumes previstos entre 40 e 90mm nas mesmas regiões.

No domingo, as chuvas continuam intensas, com volumes ainda maiores, entre 80 e 140mm. Na segunda-feira, também há previsão de chuva forte.

G1

- Publicidade -
spot_img

Mais lidas

×